De 07 a 09 de Dezembro

Conferencia online gratuita

Treinamentos corporativos na prática — Tendências 2022

image/svg+xml image/svg+xml image/svg+xmlimage/svg+xmlimage/svg+xml Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?Como reduzir custos da sua empresa com o e-Learning?

A possibilidade de concretizar esse paradoxo é o sonho de todo empreendedor: promover a redução de custos nas empresas e, ao mesmo tempo, alcançar índices elevados de crescimento de seus negócios.

Em tempos de instabilidade e de retomada do mercado global, para muitas empresas a palavra redução pode significar grandes cortes dos investimentos e até mesmo demissões de colaboradores.

A boa notícia é que, quando falamos em e-Learning, isso é possível: reduzir e crescer!

Os treinamentos presenciais

A tecnologia é a grande aliada das empresas na redução de custos. Alguns setores utilizam esse movimento para financiar investimentos e promover a transformação digital.

Na área de Educação Corporativa a tecnologia vem proporcionando várias mudanças e quebras de paradigmas. Um exemplo disso é pensarmos em toda a logística e estrutura que eram necessárias para fazer um treinamento de representantes de vendas, nas filiais espalhadas pelo país.

Esse curso exigia muitos deslocamentos da equipe de Treinamento, diárias em hotéis, locação de salas e equipamentos etc. Sem contar toda a preparação anterior aos cursos, como: criação e desenvolvimento do curso propriamente dito, de materiais de apoio, como apostilas, livretos, pastas, entre outros.

Os primórdios da EAD

Na primeira década dos anos 2000, a tecnologia e principalmente a internet propiciaram o surgimento dos primeiros cursos digitais de Educação a Distância – EAD. Muitas instituições ofereciam um aprendizado híbrido, com parte online e outra presencial.

Para Daniela Cartoni, que atua há 20 anos como consultora organizacional na área de Educação Corporativa e como Gestora Acadêmica no Ensino Superior:

“No início, muitas empresas iam fazendo as coisas sem pensar muito e, recentemente inclusive, diversas delas descobriram e passaram a estudar as suas pessoas. Além disso, as empresas que não tinham equipe interna passaram a contratar também, o que fez o mercado ficar bem aquecido para empresas produtoras de conteúdo”.

Daniela Cartoni

Введите должность

E, desde então, a tecnologia foi dando saltos exponenciais, os robôs chegaram às linhas de produção, os supercomputadores deixaram de ser ficção científica e a popularização chegou com os smartphones e as plataformas mobile.

A tecnologia chega à educação

E, cada vez mais os cursos e-Learning ganharam popularidade e novas ferramentas foram sendo desenvolvidas, para facilitar a vida de gestores de RH e de Treinamento.

Esse é o caso do kit de ferramentas iSpring Suite Max, que é totalmente baseado no PowerPoint, com curva de aprendizado zero, o que garante que o usuário consiga aprender a utilizar as ferramentas e crie seus cursos rapidamente, podendo inserir vídeos, questionários, usar o Biblioteca de conteúdos, ambientes em nuvem e várias outras funcionalidades.

iSpring Suite

Na questão do desenvolvimento tecnológico, a especialista Daniela Cartoni cita uma startup georeferenciada para agronegócios. A empresa criou um curso para ensinar aos seus clientes a como operar e como interpretar os relatórios da solução de IOT (é uma solução integrada que utiliza inteligência artificial junto com os equipamentos da operação/plantação).

Para ensinar esse cliente, foi criado um treinamento e-learning que a pessoa acessa e entende como ler os relatórios, compreende o que é IOT, o que é inteligência artificial, o que é transformação digital. Assim, com um treinamento online, o usuário domina o produto, entendendo como e o porquê de utilizá-lo em seu agronegócio.

Redução de custos em e-Learning

“Em um contexto de crise econômica, é preciso controlar o orçamento e, por isso, reduzir custos em treinamento torna-se essencial. Mas para não deixar de realizar treinamentos, já que o diferencial de toda organização é o seu capital intelectual, é possível manter estas iniciativas tão essenciais por meio de EAD”, explica Cartoni.

Assim, como escolher uma plataforma e suas ferramentas, para que atendam a demanda e seja possível customizar, personalizar e ainda ter suporte técnico 24/7?

Como já citamos, o iSpring Suite Max atende aos requisitos citados, mas, vamos deixar sete dicas rápidas para redução de custos com o e-Learning!

Sete dicas rápidas para redução de custos com o e-Learning

 O e-Learning e o capital humano

No relatório Deloitte Global Cost Survey, ao entrevistar mais de 1200 executivos em todo o mundo, conclui-se que “embora os métodos tradicionais de redução de custos ainda sejam importantes, as empresas já investem pesadamente em tecnologias transformadoras para melhorar a eficiência operacional e a economia de custos, ao mesmo tempo em que elas impulsionam seu desempenho e competitividade”.

Isso significa que a economia de recursos continua na pauta das empresas, mesmo depois dos grandes desafios enfrentados durante a pandemia. Porém, essa é a forma que as organizações têm de financiar e acompanhar a disruptura digital. E aqui, como em um círculo virtuoso, oferece o crescimento como retorno e, assim, sucessivamente, o processo vai sendo retroalimentado.

E, como conclui Daniela Cartoni sobre essa questão: “Não podemos deixar de realizar treinamentos, já que o diferencial de toda organização é o seu capital intelectual, e, cada vez mais, é possível manter estas iniciativas tão essenciais por meio de EAD”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

iSpring Suite
Ferramenta
de autoria
de e-learning
Saber mais
 

Comece a criar cursos online de forma rápida e fácil