Como Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de QuestionárioComo Criar um Quiz Online: Um Guia Para Criadores de Questionário image/svg+xml image/svg+xml image/svg+xmlimage/svg+xmlimage/svg+xml

Testes podem ser uma ferramenta integral para verificar o conhecimento e conduzir o engajamento no e-learning. Há muitas boas razões para incluir questionários em seu programa de treinamento de funcionários.

  1. Questionários permitem que você acompanhe o progresso dos seus funcionários e que você veja o que foi aprendido e o que não foi aprendido.
  2. Criar um questionário, assim como respondê-lo, não leva muito tempo. Isso é perfeito porque você tem que ser rápido se quiser que seu treinamento seja eficaz. Você sabia que as pessoas esquecem uma média de 70% do que aprenderam dentro de 24 horas?
  3. Questionários permitem que os alunos retenham novas informações na memória a longo prazo.
  4. O teste impulsiona a comprensão, motivação e engajamento dos alunos. Conquistas em questionários criam um maior engajamento com o seu conteúdo.
  5. Questionários também produzem dados que podem ser usados para ajudar a identificar lacunas em seu treinamento e ajudá-lo a melhorar seu conteúdo.
  6. Você não precisa de um ambiente de sala de aula para fazer testes. Os alunos podem responder a questionários onde quer que estejam, em seu próprio tempo.

Nota: Muitas organizações vêem um aumento no número de alunos no sistema no início da manhã de sábado.

No entanto, quando se trata de criar um questionário, tanto os profissionais de treinamento quanto os criadores de novos conteúdo precisam de respostas para essas questões:

  • quantas tarefas;
  • que tipo de perguntas;
  • qual pontuação para passar e limite de tempo;
  • usar cenários de ramificação ou não;
  • e muitas outras perguntas dos tipos como e porque.

Neste artigo, Michael Sheyahshe, um especialista em e-learning com mais de 20 anos de experiência em desenvolver estratégias e conteúdos de aprendizado explicará em detalhes como criar um quiz online no iSpring Suite para engajar seus funcionários e verificar o que eles aprenderam.

Conteúdo

Passo 1. Defina o tipo do questionário

Michael Sheyahshe,  Tecnólogo na alterNative Media

Trabalhar em um questionário é como criar um curso, mas um questionário pode exigir um processo ou ciclo de desenvolvimento modificado. No entanto, o ponto de partida é o mesmo — defina metas ou objectivos específicos.

O que você pretende alcançar ao criar um questionário? A resposta a esta pergunta ajudará você a definir o tipo de tarefa.

Os questionários normalmente podem ser divididos em duas categorias principais, de acordo com o propósito:

  1. Questionários de reforço ajudam a consolidar e forçar uma revisão do material de treinamento. Eles geralmente são incluídos em intervalos regulares (fim do módulo ou capítulo) para prática e coleta de dados. Geralmente, não há requisitos específicos: não há limites de tempo, nem penalizações para respostas erradas. O aluno possui várias tentativas para dar uma resposta correta; após cada erro, há uma explicação do motivo da resposta estar incorreta.
  2. Questionários de avaliação ajudam a verificar o conhecimento dos funcionários. Estes têm normalmente limites de tempo definidos e uma tentativa para responder, sem explicação para erros. O questionário mostra como o curso ou todo o programa de treinamentio foram úteis para os seus funcionários — o que, de fato, eles aprenderam com ele.

Passo 2. Escolha os tipos de perguntas do questionário

Ao criar questionários no iSpring Suite, há 11 tipos de perguntas de avaliação usadas por instrutores e educadores.

  1. Verdadeiro/Falso — O aluno deve determinar se a afirmação é verdadeira ou falsa. Este é o tipo de pergunta mais simple.
Pergunta verdadeiro/falso

2. Múltipla Escolha — O aluno deve escolher uma única resposta correta de várias alternativas.

Pergunta de Múltipla Escolha

3. Múltipla Resposta — O usuário deve selecionar todas as respostas corretas da lista. Questões deste tipo são mais difíceis do que múltiplas escolhas, porque o aluno não sabe quantas respostas escolher.

Pergunta Múltipla Resposta

4. Resposta Curta — Aqui, não há escolha para selecionar; no entanto, o aluno deve digitar uma resposta no campo de texto. Requer uma boa compreensão do assunto para acertar, e “acertar” é subjetivo.

Pergunta de Resposta Curta

5. Sequência — O aluno tem que organizar os itens na ordem correta. Você pode usar este tipo de pergunta se você precisa estabelecer uma linha do tempo ou organizar várias coisas na ordem crescente/decrescente.

Pergunta de sequência

6. Numérica — O aluno deve inserir o número correto no campo de texto, então é impossível adivinhar a resposta correta, diferentemente em perguntas de múltipla escolha ou V & F.

Pergunta numérica

7. Selecionar de Listas — O usuário deve selecionar a resposta correta em cada lista de seleção.

Selecione uma pergunta da lista

8. Arraste as Palavras — O aluno é obrigado a arrastar e soltar palavras do banco de palavras para as lacunas no texto dado.

Arraste as Palavras

9. Preencher as Lacunas — O usuário deve preencher as lacunas no texto. Você pode usar este tipo de pergunta se precisar, por exemplo, verificar até que ponto um funcionário conhece uma determinada regra ou um procedimento simples.

Preencha as lacunas

10. Correspondência — O aluno deve combinar pares com palavras, frases ou imagens. Você pode adicionar correspondências adicionais para tornar a tarefa mais difícil.

Questionário de Correspondência

A pergunta típica contém de 4 a 10 pares. Este tipo de pergunta pode ser usado para corresponder termos e definições, textos e imagens, autores e citações, datas e eventos, etc.

11. Ponto de Acesso — O usuário deve clicar em uma ou mais áreas designadas na imagem. Ao usar este tipo de perguntas de forma criativa, um desenvolvedor de questionário pode criar uma tarefa prática interessante. Por exemplo:

Pergunta Hotspot

Para que um questionário ser justo e preciso, ele deve ser consistente com uma regra “30/40/30”, como no exemplo abaixo.

Regra 30/40/30

Passo 3. Considere o texto das perguntas

A eficácia de um questionário depende muito de quão bem as perguntas são formuladas. É fácil esquecer que os usuários do questionário têm apenas as informações que fornecemos. Se eles não entenderem as perguntas, eles terão pouca escolha a não ser começar a respondê-las aleatoriamente, ao invés de depender de seus conhecimentos. Isso irá estragar suas chances de obter uma avaliação precisa. Além disso, os alunos podem não utilizar conteúdos que os testam em coisas que não foram abordadas. É por isso que é importante considerar cuidadosamente o texto de cada questão.

Aqui estão algumas dicas:

  • Não complique demais. As perguntas devem ser simples e claras. Tente não escrever longas frases complexas. O número de palavras em uma frase não deve ser superior a 20.
  • Tente evitar usar a negativa nas suas perguntas e respostas. Por exemplo: “Qual das seguintes opções NÃO é resultado das ligações de hidrogênio?” Estas questões são geralmente confusas. No entanto, o uso criterioso desta técnica pode manter os alunos atentos. Quando usá-la, considere escrever a partícula negativa em letras maiúsculas ou em negrito, para que o aluno não deixe de ver.
  • Não use descritores imprecisos como “aproximadamente”, “qualquer”, “pelo menos”, etc. “Qual é o valor aproximado da constante π?” “Hum, cerca de três?” Fazer perguntas imprecisas aumenta as chances de obter respostas imprecisas — perguntas escritas de forma inteligente (esperançosamente) obterão respostas escritas de forma inteligente. Por exemplo, “Expresse a constantemente π às três grandes figuras mais próximas.” ”3.14.
  • Comece perguntas abertas com as palavras o que, quanto, quando, como, e por que.
  • Evite dicas desnecessárias onde o aluno pode deduzir a resposta correta a partir do contexto. Isso pode mostrar uma certa agilidade de espírito, o que certamente é bom, mas não ajuda você na avaliação do conhecimento sobre o assunto específico.

Passo 4. Planeje opções de resposta

Nesta fase, é preciso que se criem bons distratores para cada pergunta. Um distrator é uma resposta errada para confundir um aluno.

Aqui estão algumas dicas:

  • Faça com que todas as opções de resposta sejam claras e concisas. Não há motivo para ter respostas de vários parágrafos.
  • Mantenha as respostas e os distratores com a mesma estrutura e comprimento. Quaisquer inconsistências na gramática e na escolha da linguagem podem fornecer pistas indesejadas para a resposta correta.
  • Não dependa constantemente de opções de resposta como “nenhuma das opções acima” e “todas as opções acima”, especialmente em questões de múltipla escolha.
  • Evite opções onde as respostas dos usuários podem ser consideradas “errada” por digitar ou escrever incorretamente a resposta: “Chicago” e “chicago”, “Carroll” e “carroll”. Afinal de contas, se os funcionários digitam a palavra certa mas erram a letra maiúscula, a pontuação final será tendenciosa se o questionário for sensível à maiúscula.
  • Assegure-se de que as suas respostas são absolutamente corretas e distratores definitivamente errados. Qualquer imprecisão com o assunto ou com a formulação das opções de resposta irá confundir seus alunos.

Passo 5. Decida as propriedades do questionário

As propriedades dos questionários dependem do objetivo: por exemplo, o objectivo é formar competências e encorajar, ou de avaliar implacavelmente
o conhecimento?

Pontuação do questionário

Ao criar um questionário, um profissional de treinamento geralmente enfrenta um problema — que pontuação mínima será definida para passar. Não há nenhuma receita universal. Novamente, tenha em mente o objetivo principal
e use-o como seu guia.

Por exemplo, digamos que você quer criar um quiz online de reforço para vendedores sobre habilidades de gestão de tempo. O objetivo é consolidar
o material de treinamento e ajudar os funcionários a lembrarem-se do que podem ter esquecido. Aqui, a pontuação para passar pode ser cerca de 70-80%.

Se você estiver fornecendo certificação a profissionais de saúde, digamos, na anatomia do sistema nervoso, então você pode definir um total de 100 pontos percentuais como uma nota para passar. Neste caso, a classificação é mais rigorosa, dada a importância da vida humana e/ou do tratamento médico.

Requisitos para a aprovação do questionário

Distribua as questões aleatoriamente

A duração padrão de um questionário de qualidade é de cerca de 25 a 30 perguntas, mas toda a reserva deve ser 3-4 vezes maior. Por exemplo, você deve usar um conjunto de 75-120 perguntas em um questionário no qual os funcionários apenas recebem aleatoriamente 25-30 delas. Como resultado, cada usuário tem conteúdo de teste diferente. Esta é uma maneira fácil de limitar a capacidade dos alunos de compartilharem respostas uns com os outros.

Limites de tempo

Para ajudar a evitar trapaças, você também pode definir um tempo limite para fazer um questionário. Com base na complexidade das perguntas, você pode dar a eles 10-30 minutos para terminar.

Se um funcionário investiu zero esforço em estudar o assunto, mesmo tendo cola preparada isso não o ajudaria a passar em um teste com limite de tempo.

No iSpring Suite, você pode definir limites de tempo para todo o questionário ou para perguntas em particular.

Limites de tempo

No entanto, ao considerar limites de tempo, note que para ser WCAG 2.0 compatível com acessibilidade, testes não devem ser temporizados.

Número de tentativas

Se você deseja realizar um “diagnóstico” abrangente do conhecimento dos seus funcionários, defina um questionário para “uma tentativa”. Será então mais difícil adivinhar a resposta correta. Você pode definir o número de tentativas em dois cliques.

Número de tentativas

Ramificação

A ramificação pode ser uma ótima maneira de preparar um quiz para reforço e engajamento. Isso ajudará seus funcionários a preencher as lacunas de conhecimento e a aprender melhor o material. Veja como funciona: quando os usuários cometem um erro, eles vão para um slide de informações. Se a resposta estiver correta, eles vão para a pergunta seguinte.

Feedback

Lembra dos testes na escola ou na faculdade? Depois de verificar os testes, o professor distribuiu os papéis com as respostas erradas riscadas. Você já quis perguntar: “Por que esta está errada?”

A mesma coisa acontece no e-learning, mas, é claro, não há professor disponível parado lá para responder perguntas. E, no entanto, um quiz online pode dar feedback sobre cada resposta incorreta. Isso ajuda os alunos a entender facilmente porque suas respostas podem ter sido erradas, e qual opção está correta.

Passo 6. Adicione narração e crie perguntas

Criar um quiz online pode ser estressante. Muitos diriam que é a parte mais desagradável do treinamento. Para ajudar a aliviar isso, trabalhe no design do questionário e crie tarefas interativas interessantes.

Design da pergunta

Com a ajuda do iSpring Suite, você pode personalizar cada slide de pergunta: definir a fonte, alterar o layout e escolher um esquema de cores para a pergunta.

Narração

Para cada pergunta no questionário, você pode importar um arquivo de áudio ou gravar áudio diretamente no iSpring Suite, e, em seguida, editá-lo usando o editor integrado.

Ao usar essas opções, você pode fazer avaliações interativas interessantes que envolvem seus funcionários em um aprendizado divertido e lúdico.

Quando criar quiz

  • Após cada curso de aprendizagem. Deve haver um teste final no final de cada curso. Caso contrário, como você avaliará os resultados do treinamento dos seus funcionários?
  • Após cada programa de treinamento que inclui um conjunto de cursos de aprendizagem sobre um tópico específico. Isso é uma espécie de pós-treinamento. Os resultados podem mostrar como os funcionários podem transformar o conhecimento em ação.
  • Para certificação. Questionários mostram o conhecimento retido dos funcionários. Para isso, você pode reutilizar um teste final de um curso de aprendizado ou criar um novo.
  • Antes do treinamento. Os resultados irão mostrar uma imagem clara
    do que os alunos já sabem. Você pode usar esses dados para definir uma direção para um curso ou para um programa de treinamento inteiro.
    Nota: Com o iSpring Learn LMS, você pode criar rotas de aprendizagem individuais para os funcionários com diferentes níveis de habilidade.

Sobre o especialista

Michael Sheyahshe,  Tecnólogo na alterNative Media

Michael Sheyahshe é Artista, Autor, Desenvolvedor e Tecnológo na aNm. Ele tem mais de 2 décadas de experiência no design e desenvolvimento de mídia interativa, ferramentas, simulações e jogos para um mercado global, utilizando várias metodologias de e-learning.

Especialidades: Jogos sérios, modelagem 3d, 2d, design, layout, ilustração, simulação, design instrucional, realidade virtual aumentada e mista.

iSpring Suite
Ferramenta
de autoria
de e-learning
Saber mais
 
iSpring Learn
Быстрый запуск онлайн‑обучения в бизнесе за 3 простых шага
  • Создайте аккаунт
  • Загрузите учебные материалы
  • Назначьте курсы сотрудникам